Ilha Grande de São Cristóvão

A Ilha Grande é uma ilha brasileira situada no município de São Cristóvão, estado de Sergipe, exatamente no estuário do rio Vaza-Barris, próximo a sua desembocadura no oceano Atlântico.   Possui uma população estimada em setenta pessoas, que vivem basicamente da pesca fluvial e pequena agricultura de sobrevivência baseada na produção de mangas que acontece entre os meses de dezembro, janeiro, fevereiro se estendendo até fins de Abril.   A comunidade já possui energia elétrica mas não possui saneamento básico. Seu único meio de transporte é fluvial entre a Ilha e o continente, o povoado Pedreiras, distante da sede do município sete quilômetros por...


Leia Mais...

Ilha do Paraíso - Viral

Navegando no estuário do rio Vaza Barris sentido sul encontramos a Ilha do Paraíso que é ponto de encontro de diversas famílias que chegam ao local para deliciarem um bom banho de rio. Local aconchegante e com uma baia incrível, que proporciona prática de esportes náuticos com certa segurança, e um pôr do sol sensacional. Como chegar Encontramos no pier localizado na Orla Pôr do Sol (mosqueiro) e também na marina Marisol as embarcações que fazem esse trajeto. Em cinco minutos de navegação vamos transpor a ponte Joel Silveira que liga o município de Aracaju a Itaporanga d'ajuda, uma obra muito bonita. Logo...


Leia Mais...

Crôa do Goré

Um dos belos cartões postais de Sergipe a Crôa do Goré que fica localizada no rio Santa Maria, afluente do rio Vaza Barris, entre o município de São Cristóvão e Aracaju. Essa ilhota é formada quando a maré baixa e exibe sua areia clara e limpa com diversos quiosques feitos com tronco de coqueiro e cobertura de palha para que o visitante possa curtir uma sombra nos dias de muito sol e contando ao seu redor com belíssimomanguezal. Como chegar Diversas embarcações como lanchas, barcos e catamarãs partem do pier localizado na Orla Pôr do Sol (mosqueiro) aonde os visitantes podem escolher...


Leia Mais...
012

Notícias

Navios de guerra da Marinha atraem crianças e adultos em Aracaju

A Capitania dos Portos encerra no final da tarde deste sábado, 9, a visitação pública aos dois navios de guerra da Marinha, que estão atracados no cais do Mercado Central de Aracaju desde a sexta-feira, 8. Por dois dias, a população teve a oportunidade de conhecer de perto as funções dos Navios-Varredor (NV), utilizados para identificar e desativar possíveis minas lançadas no mar por inimigos estrangeiros.

São modelos semelhantes àqueles utilizados na II Guerra Mundial, fabricados em estaleiro alemão em 1971 para a Marinha Brasileira. Atualmente, estas embarcações são usadas para adestramento [treinamento] da equipe da Marinha capaz de atuar em caso de ocorrência de guera, conforme explicações do sargento Nilton Alves, artilheiro-chefe do Navio Varredor Atalaia.

Muita gente, em grupos ou isoladamente, visitou os navios nestes dois dias. As crianças ficam encantadas e os adultos também. Gabriel Santana, de apenas seis anos, por exemplo, não esconde a vontade de chegar na escola para contar a novidade. “Vou contar pra meus amigos a história que inventei lá dentro”, disse, entre um pulo e outro. Mas, ele não dá detalhes sobre esta história. Resumiu, dizendo que vai dizer os detalhes da cabine de comando dos navios. “Ele ficou impressionado com a cabine de comando”, diz a contadora Meire Santana, mãe do garoto. “Trouxe aqui para mostrar para ele como um navio funciona, para ele ter um pouco de conhecimento”, justifica a contadora.

Os dois navios são subordinados ao Comando da Força de Minagem e Varredura da Marinha, que tem base no 2o Distrito Naval de Salvador. Eram seis navios deste porte, mas dois foram desativados em decorrência da idade. Os quatro permanecem, utilizados para treinamento, e sempre são colocados à visitação pública pela Capitania dos Portos.

Os Navios-Varredor Atalaia e Albardão têm capacidade para deslocar 253 toneladas, medem 47,2 metros de comprimento e atingem velocidade de até 22 nós (aproximadamente 41Km/h). Conforme a Capitania dos Portos, estes navios foram construídos em madeira e metal amagnético. Os Varredores têm como atividade principal realizar a varredura de minas de contato e de influência, utilizando equipamentos capazes de detoná-las a uma distância segura ou neutralizá-las.

 

Fonte: Portal Infonet

Parceiros




 

Publicidade

Sergipe Náutica

Email : O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Web : www.sergipenautica.com.br

Capitania dos Portos de Sergipe

Endereço: Av. Ivo do Prado, nº 752 - Bairro São José - Aracaju/SE
Telefone:
(79) 3711-1600; 3711-1646; 3711-1647 (FAX)
Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Web:
www.cpse.mar.mil.br

Marinha do Brasil