Ilha Grande de São Cristóvão

A Ilha Grande é uma ilha brasileira situada no município de São Cristóvão, estado de Sergipe, exatamente no estuário do rio Vaza-Barris, próximo a sua desembocadura no oceano Atlântico.   Possui uma população estimada em setenta pessoas, que vivem basicamente da pesca fluvial e pequena agricultura de sobrevivência baseada na produção de mangas que acontece entre os meses de dezembro, janeiro, fevereiro se estendendo até fins de Abril.   A comunidade já possui energia elétrica mas não possui saneamento básico. Seu único meio de transporte é fluvial entre a Ilha e o continente, o povoado Pedreiras, distante da sede do município sete quilômetros por...


Leia Mais...

Ilha do Paraíso - Viral

Navegando no estuário do rio Vaza Barris sentido sul encontramos a Ilha do Paraíso que é ponto de encontro de diversas famílias que chegam ao local para deliciarem um bom banho de rio. Local aconchegante e com uma baia incrível, que proporciona prática de esportes náuticos com certa segurança, e um pôr do sol sensacional. Como chegar Encontramos no pier localizado na Orla Pôr do Sol (mosqueiro) e também na marina Marisol as embarcações que fazem esse trajeto. Em cinco minutos de navegação vamos transpor a ponte Joel Silveira que liga o município de Aracaju a Itaporanga d'ajuda, uma obra muito bonita. Logo...


Leia Mais...

Crôa do Goré

Um dos belos cartões postais de Sergipe a Crôa do Goré que fica localizada no rio Santa Maria, afluente do rio Vaza Barris, entre o município de São Cristóvão e Aracaju. Essa ilhota é formada quando a maré baixa e exibe sua areia clara e limpa com diversos quiosques feitos com tronco de coqueiro e cobertura de palha para que o visitante possa curtir uma sombra nos dias de muito sol e contando ao seu redor com belíssimomanguezal. Como chegar Diversas embarcações como lanchas, barcos e catamarãs partem do pier localizado na Orla Pôr do Sol (mosqueiro) aonde os visitantes podem escolher...


Leia Mais...
012

Dica da Semana

Vai navegar? Sua embarcação está em dia?

A temporada de verão no Hemisfério Sul está aí. Sua embarcação teve os devidos cuidados ao longo do ano? Se teve ou não, tome nota: os agentes degradadores— sol, chuva ácida e, principalmente, umidade - nunca param de atuar e os cuidados com o seu bem fazem toda a diferença na garantia do seu prazer ao longo da navegação.

Recomenda-se a realização de manutenção completa da embarcação uma vez ao ano, melhor ainda se for feita no inverno, período em que a mão de obra náutica está mais disponível e barata.

Começando pela parte elétrica, as baterias são fundamentais para o funcionamento de toda e qualquer embarcação motorizada e exigem atenção especial porque ficam muito tempo paradas. Verifique a carga. Caso seja necessário, procure por um serviço de carga lenta evitando imprevistos, como falhas em seu carregamento. Se a carga estiver inferior a 40%, substitua a bateria, pois dificilmente conseguirá recuperar seu desempenho e duração originais. Quanto ao chicote elétrico, tenha certeza de sua integridade; falhas em sensores que monitoram equipamentos nunca são bem-vindas, assim como incêndios decorrentes de curto-circuito. Verifique o nível de água do reservatório, o funcionamento de sensores de pressão de óleo, do alarme de temperatura, das bombas de porão, dos relês e induzidos do guincho, GPS, rádio VHF, SSB, etc., e não esqueça de checar a calibragem da bússula.

Seja detalhista. Tenha certeza que a âncora está em bom estado, assim como sua corrente ou cabos e, o mais importante, veja se as conexões estão bem ajustadas. Não será nada agradável perder a âncora por aí. Cabos de atracação também não devem apresentar falhas ou esgarçamentos.

Na mecânica, a manutenção deve ser específica para o tipo de motorização da embarcação. Aconselha-se a procura de um especialista para as instruções devidas: tipo de manutenção, período e situações. No geral, motores de arranque, turbinas e rotores de refrigeração precisam de um cuidado maior. Lubrifique possíveis áreas de atrito mecânico, troque o óleo do motor, verifique os filtros e os sistemas de arrefecimento, evite ferrugens e emperramentos.

Caso sua embarcação tenha banheiro, recomenda-se a manutenção de vasos e torneiras, limpeza do tanque de água doce e verificação de válvulas do fundo do casco, assim como das mangueiras e abraçadeiras.

Não navegue com o casco sujo. Evite a perda de velocidade, o aumento do consumo de combustível, a má aparência e o risco de ferimento em mergulhos próximos à embarcação. Faça aplicação de tinta anti-incrustante e polimento do casco com certa regularidade.

Jamais navegue sem o kit salvatagem e sem meios de comunicação. As emergências não dão aviso prévio. Confira o perfeito funcionamento do rádio VHF ou SSB, pois não há cobertura de telefonia celular em todo lugar. Tenha certeza de que há coletes suficientes para toda a tripulação, assim como balsa de abandono, boia circular, material de primeiros-socorros, lanterna, pirotécnicos para navegação costeira ou para mar aberto e extintores; verifique principalmente se estes últimos estão cheios e dentro do prazo de validade. Se você possui dúvidas e não se recorda de todas as exigências, volte ao manual do curso de Arrais e releia as Normas da Autoridade Marítima para Amadores, Embarcações de Esporte e/ou Recreio (NORMAM-03/DCP).

Antes de sair para seu delicioso passeio, informe à marina ou ao clube náutico que frequenta por onde navegará, qual seu destino e horário de retorno. Deixe claro o número de passageiros. Assegure-se de que a quantidade de combustível é superior em 30% ao necessário para o seu percurso, considerando ida e volta. Caso vá além da autonomia de sua embarcação, peça orientação, planeje sua trajetória e os locais de abastecimento. Assim fazendo, uma pane seca jamais estragará seu passeio. Não economize em água mineral e leve alimento de sobra. Oriente toda a tripulação quanto às regras de navegação e da embarcação. Se for o comandante e o piloto ao mesmo tempo, vale lembrar que a Lei Seca também se emprega ao setor náutico. Vidas estão sob sua responsabilidade. Com tudo pronto, verificado e ajustado, as alegrias do verão sobre as águas estarão asseguradas. Aproveite!

 

Fonte: Portal Estrela Náutica

Parceiros




 

Publicidade

Sergipe Náutica

Email : O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Web : www.sergipenautica.com.br

Capitania dos Portos de Sergipe

Endereço: Av. Ivo do Prado, nº 752 - Bairro São José - Aracaju/SE
Telefone:
(79) 3711-1600; 3711-1646; 3711-1647 (FAX)
Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Web:
www.cpse.mar.mil.br

Marinha do Brasil